EnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish
EnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish

Licenciada em História e mestre em Património e Turismo pela Universidade do Minho, com estágio na Sociedade Martins Sarmento, cujas principais tarefas foram investigação histórica, tratamento preventivo de biblioteca doada, e elaboração de visitas guiadas. Tem o curso técnico de Marketing e Eventos, pela Master D (Porto) e neste momento desenvolve um estágio na For Design, com tarefas de marketing digital, criação de conteúdos para publicar nas redes sociais, além da elaborar planos de marketing digital.

Artigos deste autor:

História
Sílvia Pinto

Em tempos de Peste: as medidas higienistas em Braga e Guimarães (1899-1900)

O presente artigo pretende mostrar, através da divulgação de medidas higienistas, aplicadas
nas cidades de Braga e Guimarães, durante o flagelo da Peste Bubónica, que a resposta higienista deteve de um papel de grande importância de forma a que melhores condições de salubridade fossem adquiridas, resultando no controlo mais eficaz da propagação das doenças epidémicas.

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

A mulher na época contemporânea

Abordagem sobre as timídas mudanças associadas à figura feminina desenvolvidas durante a época contemporânea. Salienta se ainda a forma a sociedade as encarou.

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

Medidas de saúde pública e os surtos de cólera em Guimarães

A cólera mudou a forma como outras doenças passaram a ser encaradas por parte das instituições políticas. Ademais, o desenvolvimento de reformas em áreas como a saúde pública e as adaptações do espaço público das cidades, tiveram um valor acrescido na fase inicial de cada um dos surtos epidemiológicos, nomeadamente da cólera. Através do presente artigo pretende-se mostrar a forma como instituições administrativas como a Câmara Municipal de Guimarães geriram a necessidade de tomada de medidas ligadas à saúde pública para combater a propagação da doença na cidade.

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

E depois da cólera? O desconfinamento e o usufruto do lazer em Guimarães do século XIX

Pretende se com o seguinte texto analisar o período de desconfinamento após os surtos de cólera que se desenvolveram ao longo do século XIX. Com foco principal na análise das sociabilidades e momentos de lazer, o principal objetivo passa por perceber com se processou o usufruto dos tempos livres após o flagelo epidémico da cólera na cidade de Guimarães.

Ler Artigo »
Cultura
Sílvia Pinto

Retrato da cólera nos jornais oitocentistas de Guimarães

O presente artigo pretende dar a conhecer qual o papel da imprensa oitocentista aquando do surgimento de surtos epidémicos. Consta que seria uma meio de propagação de informação sobre as regiões afetadas, quais as formas de tratamentos das pestes e quais as medidas de salubridade obrigatórias em cada uma das cidades do país.

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

Sociabilidades e lazer no século XIX: leitura e leitores

O século XIX é visto como o período de advento da cultura, conhecimento e lazer. As mudanças político-económicas vividas durante o período auxiliam numa nova estruturação do espaço social e na existência de alterações no processo de sociabilidades e em todos os elementos que este envolve. Entende-se por sociabilidades o conjunto de relações sociais a título de lazer e ócio vividas pelas diferentes classes sociais, géneros e espaços. A leitura é um dos exemplos que ajudava a população em momentos de lazer e desenvolvimento da cultura.
O presente texto pretende mostrar qual a importância da atividade nos diferentes estratos socais, entre homem e mulher e em espaços urbanos e rurais.

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

Valores da história na luta contra as epidemias: entre a Europa de oitocentos e a atualidade

O presente artigo tem como objetivo analisar quais as medidas tomadas num cenário de surto epidémico no século XIX, um século profículo para a análise do assunto devido ao elevado número de afetados pela cólera, entre outras epidemias e o período que está a decorrer atualmente. Mostrando que a história acontece em vários casos de forma cíclica e é passivel de ser análise para que os erros ou falhas cometidas no passado sejam evitados.

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

O arqueólogo Francisco Martins Sarmento: uma leitura pela imprensa vimaranense

Francisco Martins Sarmento foi uma das figuras que mais contribuiu para o desenvolvimento cultural e educativo de Guimarães no século XIX. O reconhecimento da necessidade permanente de adquirir conhecimento levou-o a contrariar o destino de morgado de província que inicialmente lhe estaria traçado.Tratando-se duma personalidade de grande relevo, não poderia deixar de merecer a atenção da imprensa local

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

Uma visão histórica pela imprensa periódica portuguesa

A imprensa periódica, surgida em meados do século XVII em território português, é uma das principais fontes de informação para a investigação histórica. Por isso surge a curiosidade de desvendar a importância da mesma no diferentes períodos da história, analisando essencialmente as suas caraterísticas fase aos regimes políticos de cada período.

Ler Artigo »
História
Sílvia Pinto

Património museológico e documental da Sociedade Martins Sarmento (Guimarães) pela imprensa vimaranense

o património museulógico e documental da Sociedade Martins Sarmento foi constituído através de doações privadas, que funcionavam como forma de mostrar a importância da instituição para Guimarães e para os vimaranenses. Com o artigo em questão pretende-se mostrar a ligação que existia entre a instituição e a imprensa periódica vimaranense, através da divulgação de artigos com temáticas relacionadas à instituição. Pretende-se ainda incentivar a visita turística ao descrever alguns do material museulógico exposto nos museus da instituição, dando principal relevância a museu arqueológico.

Ler Artigo »
Cultura
Sílvia Pinto

Marketing enquanto elemento divulgador da Cultura

Evolução dos objetivos de instituições culturais como os museus, sendo que para a sua divulgação e dos seus bens patrimoniais e eventos culturais foi necessário o surgimento com o Marketing e por isso o surgimento da àrea do marketing cultural.

Ler Artigo »
Comunicação
Sílvia Pinto

Imprensa periódica: uma fonte de pesquisa histórica

Realce para a imprensa periódica, como uma das categorias do património documental, para processo de investigação histórica. Elemento que se tornou fundamental essencialmente apartir do século XIX, devido à necessidade de aquisição do conhecimento organizado e metódico, fundamentado em fontes.

Ler Artigo »

LOGIN

REGISTAR

[wpuf_profile type="registration" id="5754"]